Projetos apoiados pelo Somos Todos Amazonas têm responsabilidade socioambiental

Iniciativas aliam desenvolvimento à preservação do meio ambiente

O desejo por mudança e desenvolvimento norteia os projetos de impacto socioambiental e fomento de negócios apoiados pelo Somos Todos Amazonas. Alinhadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU (Organização das Nações Unidas), as iniciativas são promovidas por instituições de excelência e desenvolvem ações nas áreas social, ambiental, científica e tecnológica do território amazonense, envolvendo a comunidade em objetivos comuns. O Somos Todos Amazonas atua como agente acelerador desses projetos, ligando-os a apoiadores interessados no crescimento sustentável do estado.

Primeira Escola de Negócios da Floresta Amazônica, a Rainforest Social Business School é uma dessas iniciativas. O projeto tem como propósito promover conhecimento sobre oportunidades de mercado para produtos e serviços oriundos de florestas tropicais, por meio de empreendimentos comprometidos com o desenvolvimento econômico, inclusão e equidade social.

Lançada em 5 de novembro, a Rainforest Social Business School é uma parceria da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) com o Instituto de Desenvolvimento Tecnológico (INDT) e outras entidades, como a Universidade de São Paulo (USP) e a Secretaria Executiva de Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti-AM). A escola de negócios relaciona-se aos 8º, 9º e 17º ODS – “Trabalho Decente e Crescimento Econômico”, “Indústria, Inovação e Infraestrutura” e “Parcerias e meios de implementação”, respectivamente.

Idealizado pela Fundação Amazonas Sustentável (FAS), o projeto “Engajamento comunitário contra violência de gênero” também é apoiado pelo Somos Todos Amazonas. Visando envolver os cidadãos de locais remotos do Amazonas no enfrentamento de agressões contra mulheres, a iniciativa faz parte da “Agenda de Diversidade e Gênero”, criada em 2019 como ponto de referência de inclusão e diversidade da instituição. A ação trabalha os ODS para a “Igualdade de Gênero” (5) e “Paz, justiça e instituições eficazes” (16). 

Com atuação no planejamento territorial e na organização dos serviços na Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Uatumã, o projeto “Turismo na RDS do Uatumã” é outro integrante do quadro de apoiados pelo Somos Todos Amazonas. Em parceria com o Estado, o IDESAM (Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável da Amazônia) implementa atividades de educação e turismo de aventura na Unidade de Conservação, localizada na região do médio Rio Amazonas. 

Atualmente, a pesca esportiva da região acontece de forma controlada, os barcos hotéis circulam na RDS e pousadas de comunitários recebem turistas e pescadores, movimentando quase um milhão de reais por ano. As ações promovem o trabalho decente, movimentam a economia, estimulam a produção e o consumo responsáveis e valorizam a vida terrestre, em consonância com as ODS 8, 12 e 15. 

Além das iniciativas do INDT, da FAS e do IDESAM, o Somos Todos Amazonas abraça atividades desenvolvidas pela Federação das Organizações Indígenas do Rio Negro (FOIRN) e pelo Polo Digital de Manaus. 

Veja a lista completa de projetos apoiados:

Instituto de Desenvolvimento Tecnológico (INDT) 

-Rain Forest Social Business School

-Hidro Energy Solution

– VG Market Place – Gestão de resíduos sólidos

– Centro de incubação de biojóias

IDESAM (Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável da Amazônia) 

– Turismo na RDS (reserva de desenvolvimento sustentável) do Uatumã

– Programa Carbono Neutro

– Café Apuí Agroflorestal

Federação das Organizações Indígenas do Rio Negro (FOIRN)

– Projeto Manejo Pesqueiro do baixo Uaupés

– Projeto de Tecnologia Digital

Fundação Amazonas Sustentável (FAS) 

– Engajamento comunitário contra violência de gênero

– Educação financeira e acesso a serviços bancários

– Acesso à água potável

– Usinas produtivas simplificadas

– Postos de telessaúde

Instituto Descarte Correto

Foto: Ana Claudia Jatahy

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *